Oceanografia

O conhecimento dos parâmetros oceanográficos (ondulação, marés, correntes, vento) são de extrema importância quando é necessário elaborar e aplicar modelos matemáticos para prever a dispersão dos efluentes de um futuro emissário submarino, ou a dispersão da água sobreaquecida proveniente da descarga do circuito de arrefecimento de uma central de produção de energia.
Também para se estabelecer o padrão da circulação duma dada região costeira - de uma embocadura de um rio ou de um estuário- ou quando é necessário conhecer os níveis de maré ao longo de um trecho de costa ou de um estuário.
A aquisição de dados de correntes e de ondulação, é feita por perfiladores acústicos de Doppler – equipamentos colocados no fundo, cujos sensores, orientados para a superfície, permitem escrutinar toda a coluna de água através da medição do efeito DOPPLER, registando informação de sentido e velocidade da corrente e as suas variações ao longo da coluna de água e da amplitude e altura da ondulação. O registo de séries temporais de marés e correntes é feito normalmente ao longo de um ou mais ciclos lunares, de forma a incluir vários ciclos da recorrência de marés vivas e mortas, e fornecendo uma estrutura 3D do campo da velocidade.
A aquisição de dados sobre as grandezas conservativas da água do mar - temperatura, salinidade e oxigénio dissolvido – bem como da turbidez e do pH, é realizada por sondas multi-parâmetros.
As séries temporais registadas são validadas e processadas em função dos objectivos associados aos estudos e projectos correspondentes, nomeadamente a verificação ou a calibração de modelos matemáticos. Por sua vez, a determinação do Zero Hidrográfico e das constantes harmónicas da maré de um local é efectuada por análise harmónica das séries temporais registadas nos marégrafos.
O conhecimento prévio das características do regime de ondulação ou da energia máxima expectável associada a um determinado local, são determinantes para dimensionar determinado projecto de obra costeira, seja uma estrutura de defesa duma praia, um molhe portuário, um emissário submarino, etc.
A GEOSUB dispõe dos conhecimentos necessários neste domínio e experiência em diversas campanhas de mar nas quais foram instalados e usados ondógrafos, correntómetros e marégrafos, para monitorização da agitação marítima ao longo do tempo. A monitorização de parâmetros meteorológicos complementa a informação necessária à boa construção de um modelo numérico e, nesse sentido, a empresa também procede ao estabelecimento de estações de aquisição de dados meteorológicos, como o direcção e velocidade do vento, pressão atmosférica, humidade atmosférica, precipitação.